viajar-para-descobrir-se
  • Yawsanawa

    Yawanawa

    Na arena com os Yawanawa. Oito dias em paragens inexploradas curtindo festas e rituais para conhecer os Yawanawa, nos revelou de onde vem nossa paixão pela música e a dança, nosso gosto de brincar, de se enfeitar e de tatuar a pele. Eis uma viagem......

    Leia mais
  • Feira do Açai

    Mercados do Mundo

    Mercados são nossos locais prediletos e um dos primeiros lugares que visitamos em um cidade estrangeira. E por que? Em um mercado dá para colher a essência de um país num zás-trás! Eles nos oferecem uma ampla janela sobre a vida da região. Transitar entre......

    Leia mais
  • Montanhas coloridas. Jujuy

    Jujuy

    Jujuy, cores aos montes. Depois de assistir vídeos e ver fotos de suas montanhas coloridas, viajei para Jujuy, província ao norte da Argentina, com um objetivo. Comprovar se as cores daquelas imagens eram mesmo verdadeiras. Não eram. A realidade pictórica dali, principalmente na Quebrada de......

    Leia mais
  • Évora, Portugal

    Évora

    Tudo o que sai do script me entusiasma. Por isso, quando li que eram um mistério as peripécias que ocorrem no céu de Évora, sem pestanejar azulei para essa cidade que brota nas planícies douradas do Alentejo, em Portugal. Eu me senti chamada a uma......

    Leia mais
  • Ollantaytambo

    Ollantaytambo

    Quando o destino é a travessia. Não é segredo para ninguém que o destino número um do planeta é Machu Picchu. Erguida em total harmonia com seu entorno, é uma das estruturas mais impressionantes do mundo. Mas alguém sabe porque cargas d’água foram construir uma......

    Leia mais
  • carimbó

    Ilha de Marajó

    Como entrar no mesmo clima do mundão de águas de Marajó? Aquarelando, porque flui na mesma sintonia, mas me deu trabalho dobrado: registrar a vida bamboleante no reflexo das águas e a vida real acima das águas A surpresa do espelho das águas fisga meu......

    Leia mais

Por que os portenhos amam Buenos Aires?

Hot Tips

Tierra Patagônia

Este é um hotel para curtir a natureza extrema de Torres del Paine, no Chile. O desafio dos arquitetos foi criar um edifício mimetizado à natureza, por isso a madeira reina soberana em formas orgânicas no teto, no piso e dos móveis ao décor. Contudo o luxo maior é o cenário das montanhas que se avista através das enormes vidraças.

Pastel de Belém

Os sacerdotes do Mosteiro dos Jerônimos em Belém, Portugal, foram expulsos depois da Revolução Liberal, em 1820. Numa tentativa de sobreviver, começaram a produzir uns pasteis doces, cuja receita é a mesma até hoje. Porém, provar um Pastel de Belém no mesmo local onde foi criado, aí é outra história.